Como Fazer a Desinfecção de Piscina

Home | Blog | piscina | Como Fazer a Desinfecção de Piscina

Como Fazer a Desinfecção de Piscina

A piscina da sua casa ou condomínio é um lugar de diversão. Em volta dela é que reunem-se os amigos e família para aquele tão delicioso momento de lazer. É muito ruim na hora de usar a piscina perceber que a água não está adequada para o uso, por isso, é muito importante estar sempre atento a limpeza constante da água e de maneira correta. Não basta apenas jogar os produtos na piscina e pronto. É necessário fazer a medição dos níveis de cloro e pH da água e usar o produto certo e na medida certa.

Para você não ficar na dúvida de como fazer a desinfecção de piscina, preparamos um passo a passo de como você deve proceder para que sua piscina fique prontinha para o uso.

Como Fazer a Desinfecção de Piscina

Os produtos químicos usados para fazer a desinfecção de piscina são basicamente os:

  • Cloro: é necessário medir o nível de cloro pelo menos três vezes por semana, pois, aparentemente a água pode estar limpa, porém se o nível de cloro estiver abaixo do recomendado, de 1,0 a 3,0 ppm, a água pode estar com  bactérias e depósito de larvas de mosquitos. Além da medida ideal de cloro, é necessário colocar a piscina para filtrar a água todos os dias. O uso de temporizadores ou painel de controle podem ajudá-lo a não esquecer. O cloro, sempre usado corretamente, é poderoso aliado na desinfecção de piscina.
  • Algicida de choque: elimina as algas já presente na piscina. Atenção, se a cloração da piscina está sendo realizada na dosagem correta e sempre tem residual de cloro na água e o tempo de filtração diária está sendo respeitado, problemas com algas será mínimo ou até inexistente. Caso seja necessário o uso do algicida de choque, a medida ideal é de 05 a 07 ml de para cada 1000 litros de água.
  • Algicida de manutenção: Este produto deve ser aplicado semanalmente e serve para prevenir o aparecimento de algas, ou seja, o que deixa a água verde. Vale ressaltar que geralmente o surgimento de algas também pode ser consequência da água da chuva, portanto, mesmo sem uso, em caso de chuva podem aparecer algas na piscina.  A dosagem ideal é de 3 a 5 ml para cada 1.000 litros de água.
  • Clarificante: a sujeira que a areia do filtro não consegue reter acaba voltando para a água, portanto se a água ainda parece turva é ideal o uso do clarificante para deixar a sujeira mais densa e assim ser retida no filtro na hora da filtragem, ou ainda, que ela decante e seja possível aspira-lá.
  • Barrilha: A Barrilha leve também pode ser usado para elevar o ph, esta deverá ser perfeitamente dissolvida, para depois ser adicionada na água da piscina. Lembre-se que o controle do pH deverá ser feito no mínimo 01 vez por semana. A medida ideal é entre 7,4 e 7,6. A piscina estando ou não em uso, deve permanecer tratada e em condições adequadas, pois o Ph mantido na faixa ideal, melhora a ação desinfetante do cloro e protege o material da piscina.

Existem outros métodos de desinfecção de piscina disponíveis no mercado conhecidos como desinfecção por ultravioleta e a desinfecção com os geradores de ozônio. Este, muito usados em academias e clubes.
A Secob Bombas comercializa todos os produtos usados para a desinfecção de piscina e é especialista em manutenção e cuidados com bombas e oferece os melhores serviços de limpeza e conservação de piscinas para seu lazer ficar sempre garantido. Entre em contato agora mesmo com nossos profissionais.

2020-04-17T13:10:04-03:00

Deixe um comentário

Secob Bombas

Inovação em serviços e distribuição de Bombas

Rua Hamilton Régis, 601 – Limoeiro – São Paulo-SP – CEP: 08051-440

Cartão de Débito

Crédito

Todos os Direitos Reservados  – Secob Bombas 

 Desenvolvido por: Agência MSEO